Saúde
Colunistas
Artigos dos colunistas      Teste do Cochilo      Teste Saúde Digestiva      Entrevistas      Descubra seu tipo de Relacionamento

27/03/2006
Inimigos do coração

As doenças cardiovasculares estão na mira dos estudiosos porque elas ainda são as grandes responsáveis pelas mortes no mundo todo. Para o Brasil, de acordo com o Ministério da Saúde, estas causas superam as mortes de causas externas, doenças respiratórias e doenças malignas.

Veja logo abaixo os perfis de maiores riscos,

Quem corre mais risco

· Fumantes
· Pessoas com colesterol elevado (excesso de “gorduras” no sangue)
· Diabéticos
· Obesos
· Sedentários
· Estressados
· Filhos de pais enfartados
· Hipertensos
· Mulheres após a menopausa

Como “ajudar” seu coração

· Atividade física constante – andar, correr, praticar esportes aeróbicos
· Dieta adequada – evitar alimentos gordurosos
· Mudança de estilo de vida – reduzir níveis de estresse, acertar o ritmo do sono, aproveitar finais de semana e férias para relaxar.
· Cigarro deve ser abandonado

Perfil masculino de candidato ao infarto

· 45 anos
· Executivo
· Divorciado
· Quatro filhos
· Dois maços de cigarro por dia
· Cotidiano tenso
· Dificuldades financeiras
· Alimentação irregular
· (“fast-food” seis vezes por semana)
· Sono irregular
· Sem férias há três anos

Perfil feminino de candidata ao infarto

· 50 anos
· Dona-de-casa
· Menopausa há cinco anos
· Casada
· Três filhos
· Obesa
· Hipertensa
· Dieta cheia de alimentos gordurosos
· Vida sedentária
· Filha de pai enfartado

Diferenciando ARTERIOesclerose e ATEROesclerose

O coração é irrigado por pequenas artérias – as coronárias. A formação de placas na “parede” dessas artérias diminui o calibre delas e dificulta a irrigação cardíaca, são os chamados ateromas. Estes ateromas aumentam as chances de dores no peito (angina) e consequentemente, o infarto.

As pessoas tendem a generalizar com uma só definição os dois termos. Mas são diferentes e é importante saber:

- arterioesclerose é a perda da capacidade “contrátil” das artérias, ou seja, as artérias ficam endurecidas e envelhecidas, dificultando o bombeamento sanguíneo;

- ateroesclerose é a deposição de ateromas (placas de gordura) nas artérias o que dificulta a passagem e retorno do sangue, podendo causar hipertensão ou até mesmo AVC (acidente vascular cerebral = derrame)

O importante é estar sempre cuidando da sua saúde, não deixe de fazer exames periódicos, visite seu médico pelo menos uma vez ao ano e mantenha uma vida equilibrada, com alimentação variada e exercícios físicos.

Veja mais sobre o assunto em nossa coluna de Cardiologia com Dr. Ricardo Tavares de Carvalho





Mais Matérias

Veja mais

26/09/2016 - Convulsão: doença ou sintoma?


16/05/2016 - 10 motivos para cuidar de seus pés


16/05/2016 - Falta de Vitamina D afeta a fertilidade!


29/03/2016 - Perda de audição pode começar logo na infância!


29/03/2016 - Quando o cansaço pode acusar que a saúde não vai bem?




Clique aqui e veja todas as matérias

Encontre os melhores preços de medicamentos e leia bulas